Informacao_ importante_alerta_de_invasao_hacker

Informação importante: alerta de invasão hacker

As soluções em nuvem, cada vez mais, assumem maior importância na gestão e operação do varejo, em especial no que se refere à segurança. Recebemos da Software Express informações que servidores locais TEF em alguns clientes no Brasil de outras software houses foram invadidos por hackers. Nessa invasão, o hacker desvia as transações para um outro estabelecimento, indevidamente. A contravenção ocorre, normalmente, em períodos em que o servidor não está sendo utilizado – durante a noite ou madrugada – e sempre por meio de acesso remoto. Para prevenir que o estabelecimento não sofra este ataque, orientamos os seguintes passos:

1 – Desabilite o acesso à internet do servidor TEF e de todas as máquinas que estejam na mesma rede que o servidor TEF. Caso seja necessária alguma manutenção, habilite este acesso somente durante o tempo de intervenção e o desabilite em seguida.

2 – Valide diariamente, sempre no início da operação ou em cada reset do servidor TEF, observando:
2.1 – Se os cupons TEF emitidos nos caixas indicam o estabelecimento correto;
2.2 –  Se o código de estabelecimento das transações está correto, por meio dos relatórios do SiTef. Caso em seu relatório o código de estabelecimento não esteja sendo listado, habilite-o através da opção “Configurar Campo”.

3 – Desabilite os programas de administração remota (Team Viewer, VNC e outros) e somente os habilite durante o período que alguma manutenção precise ser realizada. Acompanhe a manutenção para ter certeza que não foram alterados parâmetros indevidos do TEF. Após qualquer manutenção valide os itens descritos no item 2 acima;

4 – Não utilize as senhas padrões de sistema e outros parâmetros de segurança fornecidos pelos prestadores de serviços;

5 – Use e atualize regularmente o software antivírus;

6 – Atribua um ID único para cada pessoa que possua acesso ao computador e garanta que existam senhas fortes de acesso para todos os usuários;

7 – Os acessos maliciosos externos também podem ser realizados por de uma terceira máquina, sendo utilizada como ponte. Isole o servidor do TEF destas máquinas. Utilize os mesmos cuidados caso tenha rede WiFi habilitada, separando o servidor TEF.

Importante observar que, em caso de invasão hacker na sua rede, além de comprometer o servidor TEF, ele poderá comprometer também os PDV’s, alterando suas configurações ou desviando as transações. Utilize os procedimentos descritos no item 2 para identificar qualquer anormalidade.

Em caso de incompatibilidade do código de estabelecimento, entre em contato imediatamente com a adquirente para que sejam verificados os dados do estabelecimento e feitas as correções necessárias. O pessoal da empresa Canal Técnico, pode lhes ajudar em dirimir dúvidas.

IMG_20191211_110620940

Lumi Gerencial presente na rápida expansão da Rede Ultrabox

Continua alto e consistente o ritmo de abertura de novas lojas da rede Ultrabox Atacado e Varejo no Distrito Federal. Em apenas 45 dias, mais duas operações foram inauguradas, na Ceilândia Norte (foto acima) e no SCIA/Cidade do Automóvel (fotos abaixo). Comprometida com a inovação, as novas operações adotam o modelo Express – loja mais compacta, funcionamento 24 horas e com dois preços por produto. Esse modelo – que oferece mais conveniência ao cliente – se difere do conceito utilizado nas lojas de Planaltina (BR-020), Grande Colorado, Gama, Ceilândia e Polo JK – de porte maior, público distinto e horário de atendimento mais tradicional.

Com o foco sempre no resultado e no crescimento do cliente, a tecnologia implementada na 9ª e 10ª lojas da rede Ultrabox é a versão mais atualizada do nosso sistema de gestão: o Lumi Gerencial (antigo SAC Gerencial). Implementado também em todas as lojas Big Box (mesmo grupo empresarial), o software de automação comercial dispõe de um mix completo em soluções, que vão de “A” a “Z”, em gestão comercial.

Outra peculiaridade no novo Ultrabox Express é que as seções apresentam configuração diferente, um pouco distinta dos atacarejos tradicionais: expositores, sinalização, iluminação, seções e até o mix, inspirado no conceito “supermercado de vizinhança”, consolidado na rede Big Box. A estratégia é aumentar o tíquete médio, chamado de “venda incremental”    que, segundo pesquisas, faz diferença no momento da decisão de compra do consumidor. Esse formato já faz sucesso nas lojas de Sobradinho e Areal e, de forma geral, explica a proximidade proposital de gôndolas de produtos complementares.

A trajetória de sucesso e ousadia comercial ganha cada vez mais destaque quando falamos do conglomerado que reúne as operações de alimentos Big Box e Ultra Box (Big Trans S/A). O grupo, que nasceu há 30 anos, se desenvolveu e se consolida como um dos líderes no segmento de alimentação mais dominantes da região, fazendo frente às redes nacionais instaladas no Distrito Federal. “A Lumi Software tem orgulho de participar dessa história de sucesso e arrojo empresarial que, desde 2007, conta com a mesma atitude inovadora e a parceria ganha-ganha de quando ainda eram apenas sete supermercados Big Box”, exalta o diretor Comercial da Lumi Software, Rodrigo Vidal.

Queda de energia

Aviso importante: interrupção temporária do sistema de telefonia

Informamos aos clientes e parceiros da Lumi Software que, durante  a madrugada de hoje, 06/11/2019, houve uma interrupção do fornecimento de energia elétrica na região do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), em especial na região da sede da empresa.

A informação da Companhia Energética de Brasilia (CEB) é que se trata de um transformador que queimou e que não há previsão do restabelecimento do serviço.

Nesse contexto, o sistema de telefonia da Lumi Software não estará funcionando, o que impede o contato direto com o nosso Suporte. Mas, vale destacar, que o sistema web de abertura de chamados está disponível, basta clicar aqui .

 

Fachada

Lumi Gerencial equipa novo Vivendas de Taguatinga Norte

A Rede Vivendas mantém a sua estratégia de expansão no Distrito Federal e Entorno. Inaugurou no último dia 25 de setembro mais uma loja, agora na QND 06 (Taguatinga Norte). Agora, o grupo soma 13 supermercados e dois atacarejos, todas as unidades equipadas com o sistema de gestão comercial Lumi Gerencial.

A nova loja tem importância estratégica na expansão dos negócios da rede, pois está localizada no coração da terceira cidade mais populosa do Distrito Federal, com mais de 220 mil habitantes. A operação recém-inaugurada também simboliza a consolidação da presença da marca na região sul do Distrito Federal e Entorno.

O mix de produtos segue a mesma linha dos outros supermercados da rede, com alguns itens aderentes ao público A/B, residente na sua região primária (Taguatinga Norte, Centro e uma parte de Taguatinga Sul). Em meio à inauguração, o jeito peculiar de impactar: muita música e fogos, jingle de boas-vindas, além de estampar uma fachada larga e letras grandes. Tudo isso somado ao argumento “preço baixo de verdade”, uma marca do Vivendas.

As soluções em automação da Lumi Software, voltadas supermercados e atacados – e a fusão deles, os chamados “atacarejos” – têm, a cada momento, contribuído para o aumento do desempenho dos nossos clientes. A rede Vivendas é um exemplo disso. Em um contexto competitivo e de crescimento dos negócios, a Lumi tem o orgulho de ter se aprimorado e olhado com coragem a uma perspectiva apontada pela “estrada” mercado, investindo em tecnologia de vanguarda para automação comercial de operações de autosserviço de alimentos.

060A9108

Informação importante: atualização do PDV Lumi

Já está disponível a nova versão do PDVLumi. Para atualizar é fácil! Basta seguir as instruções abaixo:
Importante! O SAC Gerencial, Guarda Lumi, Guardião e PDV Lumi devem estar sempre atualizados na última versão. Deverão seguir a ordem de atualização abaixo:

  •  Sac Gerencial 2.7.31 e SACCom 2.5 ou superior;
  •  Guarda 5.1, GuardaCom 14.7 ou superior;
  •  Guardião 2.13 e NFCeCom 7.1 ou superior;
  •  PDVLumi 5.1.053 e PDVCom 5.35 ou superior;

É recomendado, antes de atualizar, conferir todos os pontos de atenção relacionados ao assunto. As melhores práticas indicam que é importante instalar a versão do PDVLumi disponibilizada, primeiramente, em um ou dois caixas. Somente depois de homologado, instalar nos demais checkouts. Veja aqui o nosso artigo que trata de outras orientações a respeito da atualização do sistema Lumi Gerencial.

Caso haja algum problema, abra um chamado aqui ou entre em contato com o nosso Suporte.

O que você precisa saber para atualizar o sistema Lumi Gerencial

A atualização de versões de um sistema ERP como o Sac Gerencial deve seguir as boas práticas descritas no Cobit:

1) Toda versão do Sac Gerencial e seus módulos é identificada com 3 números separados por pontos e às vezes uma letra no final, como o exemplo 2.60.12a. Os dois primeiros números definem mudanças de versão, os dois últimos e as letras são releases. As versões tem em geral mudanças consideráveis e mudanças no banco de dados. As releases são em geral pequenas melhorias ou correções de bugs necessárias;

2) Não atualize o sistema à toa. Atualizações são procedimentos que requerem cuidados e planejamento. A Lumi entende que o ideal é não mais que uma atualização mensal ou bimestral. Às vezes a Lumi libera uma versão Beta específica para atender a um bug encontrado. Só instale se for importante para sua empresa, caso contrário, espere a nova versão;

3) Nunca atualize o sistema Sac Gerencial com os usuários trabalhando. Existem atualizações que mexem no banco de dados e podem trazer problemas na base de dados se feita com usuários logados no servidor;

4) O ideal é ter uma máquina de homologação, onde a nova versão possa ser instalada e testada em uma copia da base existente. A partir dessa homologação é que se pode distribuir a versão nova para os usuários;

5) Caso não seja possível ter uma base de homologação, altere o arquivo Sac.ini do Sac Gerencial para que você possa testar a versão somente na sua máquina. Na linha do Sac.ini coloque: VERSAO=N Isso irá inibir que a nova versão altere a versão no servidor e obrigue os usuários a atualizar o sistema;

6) Antes de distribuir uma nova versão, você deve verificar o que tem mudanças nessa versão, se necessário, entre em contato com o suporte e tire as suas dúvidas. Não libere versões com mudanças importantes para os seus usuários sem antes verificar isso. Planeje a nova versão e considere os possíveis impactos em seus processos;

7) Mudanças de PDV ainda são mais perigosas. Nunca atualize PDVs próximo à feriados ou datas de grande movimento. Atualize primeiro um ou dois PDVs, deixe rodar por alguns dias e somente após isso, atualize as demais máquinas. O Sac Gerencial não é um sistema de “caixinha” é um ERP complexo que requer profissionalismo em sua administração. Para saber mais, veja também o artigo 10 lições que todo CIO precisa conhecer sobre ERP.